Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

REVISTA DO ANO TAURINO 2023 DO BARREIRA DE SOMBRA (9)

AS GANADARIAS

14.12.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

O toiro é o elemento essencial da corrida e foi ele que, algumas vezes, nos levou até algumas corridas e praças pois despertaram a máxima curiosidade e, em muitos casos, foi aposta ganha.
As 3 ganadarias que mais vimos lidar em 2023 foram:

  1. Murteira Grave (4/19)
  2. Engº Jorge Carvalho (3/18)
  3. Falé Filipe (4/15)

Vejamos então o que escrevemos sobre cada uma das ganadarias e nas corridas/praças onde lidaram os seus exemplares.

  1. Murteira Grave

Murteira Grave.JPG

04/02/23 – Mourão - num festival em que o 5º da ordem por exemplo em termos de apresentação deixou muito a desejar, pelo que em minha modesta opinião, deveriam ter sido lidados novilhos (com 3 anos e algum trapio). Também não compreende a disparidade de idades já que o primeiro foi um cinquenho – tinha o 8 na mão direita -, o segundo um novilho de 3 anos de regular apresentação assim como o último eral. Ainda assim, apenas houve alguns protestos após a saída do 5º da ordem

19/03/23 – Santarém - Os toiros, de Murteira Grave, estavam muito bem apresentados e revelaram bravura e codícia os 3 primeiros, sendo que o ganadeiro deu volta à arena após a lide do terceiro.

03/06/23 – Santarém – Corrida concurso de ganadarias – sem notas pois devido á chuva abandonei a corrida ao 3º. toiro

24/08/23 – Campo Pequeno - arena. Noite de enorme ambiente em Lisboa

Foi uma noite de enorme ambiente a que se viveu na noite de quinta-feira em Lisboa. Uma corrida que despertou o interesse de milhares de aficionados, muitos vindos do Alentejo, para assistirem a uma grande corrida toiros onde o ganadeiro Joaquim Grave foi um dos triunfadores, com dois toiros de muita bravura e classe (2º e 4º da ordem), um primeiro de categoria mas com o peso (622 kg) a não ajudar tanto, e com quinto e sexto a serem de boa nota, justificando-se plenamente a sua chamada à arena após a lide do 4º da noite.

  1. Engº Jorge Carvalho

jorge carvalho.JPG

01/05/23 – Cartaxo - BOM CURRO DO ENGº. JORGE CARVALHO

Tarde de imenso calor a afastar algum público das bancadas apesar do interessante cartel e que veio a revelar-se numa tarde de bastante competição entre cavaleiros e forcados e onde contribuiu muito para o êxito a qualidade dos toiros do Engº Jorge Carvalho, justamente premiado com volta à arena após a lide do 6º da ordem.

11/06/23 - Arruda dos Vinhos - Os toiros do Engº Jorge Carvalho estavam bem apresentados e em termos de condições de lide o destaque vai para o bravo 5º da ordem, premiado com volta à arena e depois também para a representante da ganadaria, a Engª. Raquel Carvalho.

25/06/23 – Alcácer do Sal - Os toiros do Engº Jorge Carvalho estavam bem apresentados e não criaram problemas de maior aos artistas.

  1. Falé Filipe

Falé Filipe.JPG

25/04/23 - Sobral M. Agraço - Uceda Leal lidou um novilho de Falé Filipe que não lhe deu facilidades. Manuel Dias Gomes foi o autor dos melhores lances de capote frente a um novilho rematado e que teve algumas condições de lide; O novilheiro Gonçalo Alves encerrou praça frente a um novilho com condições.16/07/23 – Moita - No toureio a pé, Bruno Alói esteve decidido e variado com o capote e demorou a entender as condições do erale de Falé Filipe, com algum génio e, talvez, problemas de visão. Vicente Sanches, bem de capote, bem em bandarilhas e com uma faena de muleta de bom corte por ambos os pitóns, alguns desses muletazos largos e poderosos frente a um bom erale de Falé Filipe. João Mexia, da Escola da Moita, teve bons momentos de capote e uma faena de muleta com interesse aproveitando bem a boa condição do de Falé Filipe

29/07/23 – Caldas da Rainha – Corrida concurso de ganadarias. o de Falé Filipe vencedor do troféu Apresentação por ter muito bom tipo muito equilibrado e que também teve boas condições de lide.

06/08/23 – Abiúl - dois toiros que regressaram aos campos alentejanos da Herdade das Covas no Redondo, tendo o ganadeiro dado volta no terceiro da tarde. Os toiros de Falé Filipe, de presença e jogo diversificado, tiveram mobilidade e transmissão e os dois destinados á lide a pé foram claramente superiores em qualidade aos restantes, Volta do ganadeiro no terceiro da tarde e estes dois toiros regressaram ao campo. É outro dos triunfadores desta grande tarde de toiros em Abiúl.