Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

PRESIDENTE DA CORRIDA DE REJONEIO EM MADRID PERCEBE DE TOIROS?

28.05.16 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Rui Fernandes bem pode dizer que foi ROUBADO por um presidente que deve ser míope, que não sabe o que é petição maioritária, que não entende nada do bom toureio a cabalo praticado pelo cavaleiro português.

Como aficionado e como português sinto-me indignado com esta atitude, uma vez mais, para com um português que arriscou como poucos o fizeram a cavalo nesta Isidrada, que colocou ferros de enorme mérito e que deveeria ter passeado uma orelha na mais que justa volta ao ruedo após a morte do seu primeiro. Lamentavelmente o presidente da corrida fechou os olhos e colocou tampões nos ouvidos...

No seu segundo toiro, a defeituosa colocação do rojão de morte deixou frustrado o toureiro português e na trincheira viu-se o seu desalento pelo sucedido.

João Moura jr teve uma boa primeira prestação no terceiro da tarde e com chuva a cair forte no segundo tudo se «foi com a água».

Sérgio Galan saíu pela porta grande com o beneplácito do público e ponto!

Serviram na generalidade os toiros de Benítez Cubero e o de Pallarés.