Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

ESPECIAIS TEMPORADA 2021 - BARREIRA DE SOMBRA (5)

CAVALEIROS - O QUE ESCREVEMOS SOBRE AS ACTUAÇÕES - JOÃO R. TELLES E SALGUEIRO DA COSTA

17.11.21 | António Lúcio / Barreira de Sombra

JOÃO RIBEIRO TELLES
Campo Pequeno – 10/09/21 -
João Ribeiro Telles  não deixaria créditos por mãos alheias, com boas actuações e onde logo no primeiro mostrou as suas credenciais com dois curtos de muito boa nota; mantendo esse nível no segundo do lote com câmbios bem executados e que chegaram ao público, rematando com dois de violino e um de palmo, aquecendo as bancadas e dando volta efectiva à arena entre o clamor do público. No seu terceiro voltou a marcar pontos e com dois ferros finais com expressivas batidas ao pitón contrário que resultaram emotivas ma onde também houve um pouco de velocidade a mais. No final, como referimos foi sacado em ombros e saiu pela Porta Grande.

SALGUEIRO DA COSTA

Chamusca – 13/05/21 - João Salgueiro da Costa cumpriu com classe no seu primeiro, com alguns bons ferros curtos e boa brega. Mas seria frente ao bom quinto da tarde, um toiro codicioso e com raça, que teve os seus melhores momentos após deixar dois bons compridos. Com o toiro pronto para investir em todos os terrenos, deixou 3 bons curtos em sortes bem executadas e rematadas. Uma actuação em muito bom tom e que deixa antever coisas boas para o decurso da temporada.

 

Arruda dos Vinhos – 14/08/21 - Tarde de muito calor e triunfo forte de Salgueiro da Costa com duas lides de muito mérito e muito bom toureio, daquele que faz com que as pessoas se emocionem, com verdade, a pisar terrenos de compromisso e a dar tudo de si para assinar o triunfo da tarde. Esteve francamente bem a lidar, a colocar os toiros e a cravar ferragem de muito mérito com ferros entrando recto e reunindo justo para cravar dois curtos de excelente execução frente ao seu primeiro, um toiro que cumpriu e teve qualidade. No que foi sexto, sobrero de José Luís Pereira Dias e que teve qualidade, voltou a mostrar que podia com o toiro em todos os terrenos e deixou de novo bons ferros com destaque para o terceiro que foi excelente e com uma reunião muito ajustada, e finalizou com um bom palmito e com o público a tributar-lhe forte ovação.

Vila Franca de Xira - 30/09/21 - Grande triunfador da noite, dando a volta e com classe e raça ao seu toiro foi Salgueiro da Costa. Mexeu bem no toiro, tirou-o das crenças e a sua lide foi em crescendo, com boa de mérito e a cravagem de ferros curtos de  muito boa nota nomeadamente os três últimos em eu pisou terrenos de muito compromisso que o público soube premiar e exigira volta, real, á arena como prémio dessa grande exibição.

 

Vila Franca de Xira – 05/10/21 - Duas lides de grande intensidade, desde logo pela importância que deu aos compridos, depois pela forma como lidou e cravou a ferragem, com verdade, a pisar terrenos dos toiros e a sair limpamente das sortes. Foi assim o toureio de Salgueiro da Costa que, inclusive, executou excelente sorte de gaiola a receber o sexto da ordem. Houve boa brega, deixando o toiro colocado onde quis para cravar os ferros da forma como entendeu ser a mais idónea e chegando ao público com essa alegria, essa entrega em cada ferro e com momentos de muito valor quer no de Veiga Teixeira que foi o seu primeiro quer no de Palha que encerrou a corrida. Várias foram as vezes que o público se levantou d/as bancadas pelas entradas frontais, ferros bem cravados e rematados. No seu segundo, de Passanha, assinou outra lide muito bem estruturada e que lhe valeu os fortes aplausos do público. Triunfo de lei!