Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

A TELEVISÃO DEIXOU DE IR AOS TOIROS? E O SERVIÇO PÚBLICO?

24.05.13 | António Lúcio / Barreira de Sombra

A RTP continua a receber milhões de euros de todos nós, contribuintes, e continua a não respeitar o serviço público de televisão, o que deveria incluir na sua programação a transmissão de corridas de toiros e a manutenção do programa de tauromaquia na RTP/2, o «Arte & Emoção» que tão excelentes resultados de share e audiências tem tido. Ao invés disso enchem-nos de séries de duvidosa qualidade e os programas de qualidade são atirados para horários impróprios para quem trabalha e a eles deveria ter acesso privilegiado.

Preocupa-me seriamente a questão de a RTP ter voltado costas à tauromaquia, nomeadamente ao programa do José Cáceres, o «Arte & Emoção», e que já deveria estar a ser emitido com a temporada 2013. Estamos a chegar ao final de Maio e nada se fala a não ser nas redes sociais e por iniciativa da nóvel revista açoriana «5º Toiro». Será que para as empresas e para os toureiros, com todas as associações de classe incluídas, não é importante a existência de um magazine de actividade tauromáquica na RTP? Ou estamos condenados ao ostracismo e ninguém se importa?

 

A RTP tem tradições e beneficia, nomeadamente a Casa de Pessoal, dos resultados das corridas realizadas em seu nome. A tradição de transmissão de corridas terá quase meio século e os aficionados exigem que se mantenha e que respeitem essa vertente da cultura e da identidade do povo português. De um dia para o outro, e da média de 10 corridas retransmitidas durante os últimos anos, de um programa de tauromaquia com a qualidade do referido «Arte & Emoção», estamos no vazio absoluto. E ninguém diz nada???

 

A Associação Nacional de Toureiros, a Associação Portuguesa de Criadores de Toiros de Lide,  a Associação Portuguesa de Empresários Tauromáquicos, a Associação Nacional de Forcados e a entidade representativa de todas estas associações que é a Prótoiro, vão continuar em silêncio e sem agendar qualquer iniciativa para reivindicar o regresso da tauromaquia aos canais públicos?

 

Que não venha a RTP dizer que não existem audiências… Todos o sabemos bem que as médias de espectadores por corrida transmitida é bem superior aos 500 mil. Vejam as listas de audiências diariamente publicadas e a generalidade dos programas da RTP2 são muito abaixo destes valores e na RTP1 as transmissões de corridas ficam sempre entre os 10 primeiros. Publicidade parece não ser problemas pois as transmissões são constantemente interrompidas para satisfazer esses mesmos compromissos, logo, só a prepotência dos responsáveis da televisão e a ausência de pressão dos responsáveis das associação de classe da tauromaquia podem justificar esta ausência. E nem sequer repetem corridas antigas e programas de tauromaquia antigos na RTP/Memória. Será porque a querem apagar???

 

Para aqueles que têm televisão por cabo ou satélite resta-nos o Canal+/Canal Toros que, por 10 euros ao mês, nos permite ver toiros de hoje e de ontem, grandes reportagens etc, todos os dias e durante várias horas por dia.