Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

XIV ENTREGA DE PRÉMIOS DA TERTÚLIA TAUROMÁQUICA SOBRALENSE

01.11.11 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Os troféus instituidos pela Tertúlia Tauromáquica Sobralense, hoje na sua 14ª edição, destinam-se a premiar aqueles que se distinguiram pelas suas actuações durante a temporada na nossa praça de toiros; aqueles que pela sua trajectória de vida ou por factos relevantes ao serviço da Festa Brava e, ainda, aqueles que merecem um incentivo para a sua vida nesta bonita e difícil arte que é a tauromaquia, qualquer que seja a sua vertente.

 

TRIUNFADORES DA TEMPORADA 2011 EM SOBRAL

 

Realizaram-se quatro espectáculos tauromáquicos em 2011 em Sobral de Monte Agraço e pela primeira vez um desses espectáculos foi transmitido pela televisão: festival de 25 de Abril, corrida televisionada em Julho e duas corridas à portuguesa nas festas de Setembro.

 

Cavaleiro de Alternativa: Luis Rouxinol

Uma vez mais o cavaleiro de Pegões conquista o prémio de cavaleiro de alternativa pela sua brilhante prestação na corrida de 11 de Setembro, tarde de competição forte com os seus companheiros de cartel. Raça, entrega, afición, são adjectivos comuns nas apreciações às actuações de Luis Rouxinol que nesta temporada ultrapassou um dos mais dificeis momentos da sua carreira com o falecimento do até então seu apoderado e grande taurino que foi Mário Freire. Conquistar os aficionados e dar sempre tudo em praça continua a ser uma constante na sua carreira.

 

Ganadaria: Falé Filipe

Escolhida como ganadaria triunfadora em virtude do comportamento de alguns dos exemplares com o seu ferro e divisa lidados no dia 25 de Abril. Conseguir unir bravura com toureabilidade, utilizando o termo do grande ganadeiro Juan Pedro Domecq, tem sido uma constante na ainda curta história deste ganadeiro nascido em Azedia, concelho de Alenquer e cujas reses pastam na Herdade das Covas, Redondo.

 

Forcados: Amadores de Coruche

A comemorar 40 anos de existência, e sob o comando de Amorim Ribeiro Lopes, o Grupo de Forcados Amadores de Coruche conseguiu mais uma importante tarde no dia 11 de Setembro, de honra à tradição de bem pegar toiros. Recordemos que nessa tarde forma forcados de cara: Miguel Raposo que se fechou bem ao primeiro intento, tal como Luis Carlos Gonçalves e Ricardo Dias.

 

Novilheiro: Manuel Dias Gomes

A maturidade que foi evidenciando ao largo da tarde de 25 de Abril na forma como abordou a lide, num conceito total de entrega e de arte, de profundidade e algum perfume com a muleta, não deixou dúvidas quanto à justeza da entrega deste prémio. A sua presença em Madrid foi seguida com enorme ansiedade e atenção pelos aficionados e esperamos que em 2012 faça muitos mais paseíllos em Espanha e França.

 

 

GALARDÕES DE DESTAQUE

 

Tertúlia Tauromáquica Terceirense

No centro do imenso oceano e no centro do Mundo tauromáquico, autêntica plataforma giratória e de confluência de todos quantos amam a tauromaquia. Angra do Heroismo, património mundial. Tourada à corda. Solar de toiros bravos e de uma apaixonada afición ao toiro que podiamos dizer ser única. Uma Tertúlia fundada há 45 anos tem desenvolvido um notável trabalho na defesa e na promoção da festa brava, do culto ao toiro e disso são exemplo dois momentos inolvidáveis: o IX Congresso Mundial de Criadores de Toiros de Lide realizado em Angra do Heroismo em 2010 e a inauguração do monumento ao toiro de lide em Janeiro deste ano.

Mantém há quase 40 o seu Grupo de Forcados!

 

Joaquim Alves

Ser ganadeiro é uma paixão e uma inspiração. Inspiração que se busca nos momentos de recolha junto à lareira no inverno ou entre sobreiros e azinheiras vendo as reses nesses prados magníficos, nessa simbiose única com o meio ambiente em que se insere. Na defesa ecológica da herdade onde pasta o toiro bravo.

 

A paixão que se coloca em cada acto da vida e que resulta no milagre do toiro bravo. Sim porque o toiro bravo é fruto da paixão desmedida do homem pelo animal e o milagre da bravura. Sim porque a paixão que une as pessoas em torno da festa brava e do toiro, tem um guardião desse santuário, um homem com H grande que soube impor-se entre pares e merecer o respeito do aficionado e do profissional do toureio. O seu nome é Joaquim Alves, proprietário das ganadarias Pinto Barreiros e São Torcato. Obrigado por nos permitir desfrutar de uma bravura encastada e com classe.

 

MENÇÕES HONROSAS

 

João José

Quase 40 anos de carreira ininterrupta nas arenas. Uma postura em praça que o tornou também uma referência entre os da sua classe e o tornou disputado por cavaleiros e matadores portugueses e estrangeiros. Integrou durante cerca de 20 anos a quadrilha de Joaquim Bastinhas, quem teve a gentileza e a toureiria de o convidar para se despedir em Lisboa na corrida televisionada de gala à antiga portuguesa. Um gesto que os aficionados reconheceram e a fortíssima ovação que João José recebeu foi o reconhecimento do público e do aficionado a essa carreira brilhante que terá seguramente continuidade com os seus filhos Ricardo e João Pedro.

 

Tiago Santos

Um jovem aspirante a matador de toiros, aluno da Escola de Toureio José Falcão. Mostrou em 2011 estar no caminho certo, duro e dificil seguramente, para alcançar o seu ambicionado sonho. Persistência e capacidade de lutar pelos objectivos têm de ser uma constante e este prémio da Tertúlia Tauromáquica Sobralense deverá ser entendido como mais um incentivo, um acreditar que será possível concretizar o sonho.