Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

APRESENTAÇÃO DA TEMPORADA 2023 NO MONTIJO

21.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

5A076A13-2BF6-4311-9C61-C88A99AC3515.jpeg

Vem a Empresa Tertúlia Óbvia convidar V.ª Ex.ª. a estar presente na conferência de imprensa que se realizará no próximo dia 01 de Abril pelas 11 horas na praça de Toiros Amadeu Augusto dos Santos - Montijo, para a apresentação da temporada tauromáquica 2023.

 

SANTARÉM - E O VENCEDOR FOI JOÃO MOURA JR. CRÓNICA CURTA DE UMA CORRIDA LONGA

MAIS DE 10 MIL ESPECTADORES EM PRAÇA, O GRANDE TRIUNFO DA TARDE

20.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Praça de Toiros “Celestino Graça” – Santarém -19/03/23 – Corrida de Toiros

Director: Marco Cardoso – Veterinário: José Luís Cruz – Lotação: 10.000

Cavaleiros: João Moura Jr, Francisco Palha

Forcados: Amadores de Santarém e de Évora

Ganadaria: Murteira Grave

cortesias.JPG

O realce maior desta primeira corrida de toiros da temporada 2023 tem de ir, de forma inequívoca, para os mais de 10 mil espectadores que estiveram em Santarém para um desejado e competitivo mano-a-mano entre João Moura Jr e Francisco Palha e onde o primeiro não deixou margem para dúvidas e venceu este primeiro confronto. Os aficionados aguentaram estoicamente uma corrida longa e onde foram necessárias 10 tentativas 10 para pegar o primeiro toiro…

João Moura Jr esteve bem no que abriu praça, com uma boa lide iniciada com um ferro em sorte de gaiola e perante a bravura e codícia do toiro, entendeu-se bem com ele na ferragem curta, com dois ou três farpas de boa nota, assim como nas preparações e remates. Mas seria frente ao bravo e encastado terceiro da ordem que, na fase final da sua lide, levantou o público das bancadas com duas excelentes mourinas, momento alto da tarde no que ao toureio a cavalo concerne. No quinto da ordem, mais reserva e complicado, cumpriu com acerto a função.

Francisco Palha teve um boa primeira lide também iniciada comum bom comprido em sorte de gaiola e uma série de ferros curtos de boa nota, procurando ligar-se ao toiro e deixando-o colocado nos melhores terrenos para lhe sacar o máximo partido. O seu segundo foi reservado e com ele voltou a andar em bom plano sem, contudo, romper na sua actuação. Abordagem correcta das sortes assim como a cravagem numa lide com interesse. Não começou bem a lide ao sexto da ordem já que o ferro, em sorte de gaiola, ficou descaído. A lide não teve o desejado e ambicionado impacto e ficou-se apenas pela regularidade.

Irregular a primeira prestação dos Amadores de Santarém,  a cargo de Francisco Graciosa que saiu lesionado à 8ª tentativa, num toiro que bateu forte e que foi pegado à 2ª emenda (a 10ª tentativa) por Caetano Gallego. Seguiram-se Salvador Ribeiro de Almeida à 2º e Francisco Cabaço num pega colossal ao primeiro intento. Quanto aos Amadores de Évora, para a cara do 2º da tarde foi o forcado José Maria Passanha que consumou à 3ª, seguido por José Maria Caeiro à 2ª e a encerrar praça uma enorme pega ao primeiro intento por intermédio de Ricardo Sousa.

Os toiros, de Murteira Grave, estavam muito bem apresentados e revelaram bravura e codícia os 3 primeiros, sendo que o ganadeiro deu volta à arena após a lide do terceiro.

Condescendente a direcção de corrida a cargo de Marco Cardoso, deixando arrastar em demasia as tentativas de pega ao primeiro, e com pouco critério na concessão de música, assessorado que esteve pelo veterinário José Luís Cruz.

No início do espectáculo e quando foi anunciado que seria guardado um minuto de silêncio em memória do Comendador Rui Nabeiro, a banda tocou o Hino Nacional…

Texto: Diniz Gavino

Foto: Barreira de Sombra

O TOIRO BRAVO NO SEU LOCAL

FALÉ FILIPE - HERDADE DAS COVAS - REDONDO

15.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 

REPORTAGEM FOTOGRÁFICA DA TENTA COM MANUEL JESUS EL CID, ERIC OLIVEIRA E JUAN VILLITA

GANADARIA FALÉ FILIPE - HERDADE DAS COVAS

15.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

MANUEL JESUS "EL CID"

ERIC OLIVEIRA

JUAN VILLITA

 

TENTADERO, A ALQUIMIA DA BRAVURA – EXCELENTE TENTA NA HERDADE DAS COVAS

15.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

1.JPG

O tentadero, a selecção das reses bravas com base numa série de critérios que mudam de ganadeiro para ganadeiro mas que, e onde todos buscam algo denominado “bravura”, é uma autêntica aula de alquimia onde alguns critérios científicos se mesclam e lhe conferem um estatuto diferenciado já que não há regras científica que se lhe aplique. E essa é uma das mais apaixonantes tarefas que se realizam na pacatez e silêncio do campo e numa ganadaria de bravo.

Classe, bravura, “fijeza”, capacidade de repetir humilhadas investidas e motor, foram notas dominantes nas 4 extraordinárias novilhas que saíram à praça de tentas da Herdade das Covas, solar da ganadaria de Falé Filipe e que foram magistralmente toureadas por Manuel Jesus “El Cid” e pelos novilheiros Eric Oliveira e Juan Villita, deleitando todos os presentes com a essência do toureio puro, em muletazos de enorme expressividade, rompendo para diante, levando as novilhas submetidas em cada voo, acariciando muitas desses bravas e transmissivas investidas.

Momentos de pura classe, lições de cátedra do maestro El Cid que se viu a tourear com prazer e a desfrutar dos momentos que as novilhas de Falé Filipe a todos proporcionaram.

Depois da tenta e em tempo de almoço, seguiu-se uma magnífica tertúlia num final de dia de grandes emoções e espectacular toureio.

Texto: Diniz Gavino

Foto: Fernando Clemente

PROTOIRO avança com nova ação em tribunal contra a Câmara de Viana do Castelo

06.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

A Federação avança com o objectivo de levar Câmara de Viana à barra do tribunal para responder pelos actos ilegais realizados na demolição da praça de toiros, responsabilizando os autores dos mesmos.

 

Lisboa, 3 de Março de 2022

 

Sobre a recente decisão do Tribunal Administrativo e Fiscal de Braga de que a PROTOIRO era parte ilegítima para intentar ação judicial contra a Câmara de Viana, para levar a Câmara à barra do tribunal para responder pelos actos ilegais realizados em relação à demolição da praça de toiros, a PROTOIRO vem afirmar o seguinte:

1. Em 2021 a PROTOIRO deu entrada no Tribunal Administrativo de Braga de uma acção popular.

2. Na mesma são apontadas graves ilegalidades ao processo e às decisões referentes à Praça de Touros de Viana do Castelo, por parte da Câmara de Viana do Castelo, sendo pedida a nulidade das decisões do Município de Viana do Castelo relativamente à demolição do imóvel da Praça de Touros e das referentes ao novo projecto denominado de "Praça Viana" e da sua edificação no local da Praça de Touros, repondo o património demolido. Estão também em causa deliberações da Câmara Municipal de Viana do Castelo e da Assembleia Municipal e de alterações ilegais ao Plano de Pormenor do Parque da Cidade, Lote J.

 

3. O Tribunal demorou mais de 730 dias para proferir uma decisão, que se esgota numa mera apreciação sobre legitimidade, sem nada decidir quanto às ilegalidades apontadas.

4. A PROTOIRO manifesta a sua indignação pela denegação de justiça que toda esta situação revela, tal como pela decisão absurda de ser declarada parte ilegítima para intentar a respectiva ação judicial. 

5. A PROTOIRO manifesta a sua indignação pelo facto de a Juíza ter demorado mais de 730 dias para nada decidir quanto ao conteúdo da ação judicial e se ficar pela mera apreciação formal.

6. Aos Tribunais está acometido o relevante  papel da realização da justiça sindicando a legalidade das decisões da administração pública - o que no caso teima em não acontecer.

7. A PROTOIRO acredita na realização da Justiça e irá avançar com uma nova ação judicial com o objectivo de obrigar a Câmara de Viana do Castelo a responder em tribunal pelas ilegalidades praticadas no processo de demolição da praça de toiros e a serem responsabilizados os autores das mesmas.

 

PROTOIRO 

Federação Portuguesa de Tauromaquia

CONCURSO VEM TOUREAR: Primeira eliminatória a 19 de Março em Santarém

06.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Vem Tourear 2023.jpeg

Já estão abertas as inscrições para a III Edição do VEM TOUREAR – Concurso Nacional de Toureio de Salão. A primeira eliminatória vai decorrer em Santarém, já no próximo dia 18 de Março.
 
Esta iniciativa, organizada pela Escola Taurina de Montijo, conta com a colaboração da PROTOIRO, marca Touradas, Sector 9 e Ramagens Ouro e Prata, entre muitas outras entidades. 
 
O concurso é particularmente destinado a jovens, mas está aberto a todas as idades. Se gostas de tourear a pé, se queres aprender, não percas esta oportunidade única, com a vantagem de ganhares prémios, nomeadamente convites para corridas de toiros no local onde se realiza o evento.
 
Podes inscrever-te individualmente ou através de uma das escolas de toureio do país. Caso sejas da zona de Santarém e queiras praticar toureio de salão contacta a empresa Setor 9 (www.sector-9.pt).
 
Para te inscreveres vai a www.touradas.pt/documentos e terás acesso à ficha de inscrição e ao regulamento do concurso.
 
A próxima eliminatória será em Alter do Chão (15 Abril) e a final terá lugar no Montijo (13 Maio).
 
Atreve-te!

40º. Aniversário do Clube Taurino Vilafranquense - sábado dia 11/03/2023

06.03.23 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Cartaz Festa.jpg

O Clube Taurino Vilafranquense, vem por este meio dar a conhecer a realização da sua festa de celebração do seu 40º. Aniversário, que como usualmente, terá como uns dos pontos altos a entrega formal dos troféus da temporada 2022 das atuações na centenária Praça de Toiros Palha Blanco, assim como umas outras distinções especiais anunciadas em detalhe no cartaz anexo.

O jantar de gala comemorativo terá ainda a participação musical do conjunto Compis del Cante.

Sábado à noite, dia 11/03/2023, todos os caminhos darão a Vila Franca de Xira.

Premiados.jpg