Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

PRAÇA CHEIA EM SOBRAL DE MONTE AGRAÇO E UMA GRANDE PEGA DE CARAS A ENCERRAR A CORRIDA

09.09.18 | António Lúcio / Barreira de Sombra

cortesias.JPGPraça de Toiros de Sobral de Monte Agraço – 09/09/18 – Corrida de Toiros

Director: João Cantinho – Veterinário: José M. Lourenço – Lotação: cheia

Cavaleiros: Luís Rouxinol, Vítor Ribeiro, Ana Batista, Manuel Telles Bastos, Luís Rouxinol Jr, David Gomes

Forcados: Amadores de Coruche, Aposento da Chamusca

Ganadaria: Canas Vigoroux

 

PRAÇA CHEIA EM SOBRAL DE MONTE AGRAÇO E UMA GRANDE PEGA DE CARAS A ENCERRAR A CORRIDA

 

Tarde de sol, temperatura amena, praça praticamente cheia na 12ª Corrida da Auto Agrícola Sobralense e onde foi homenageado o antigo bandarilheiro Manuel Jacinto que há 60 anos se apresentara como toureiro amador nesta praça e da qual também foi empresário. Um corrida com um cartel de competição e onde os toureiros estiveram por cima dos toiros de Canas Vigoroux que não trouxeram a bravura e emoção que se esperava. Apenas nos forcados se empregaram…

 

Luís Rouxinol abriu praça com uma boa lide, lidando bem e cravando boa ferragem curta, com destaque para segundo e terceiro ferros e rematando esta boa actuação com um bom par de bandarilhas.

 

Em segundo lugar deveria ter actuado Vítor Ribeiro mas o seu toiro lesionou-se e foi devolvido. Lidou o sobrero em quarto lugar e teve uma lide em crescendo, vindo a terminar com dois bons curtos atacando o toiro que se defendia em terenos de tábuas.

 

Ana Batista sentiu algumas dificuldades para lidar o toiro que lhe tocou por sorteio e que se defendia em tábuas. Porfiou para o sacar desses terrenos e deixou dois curtos de melhor nota.

 

Manuel Telles Bastos teve também uma boa actuação, bem dentro do seu estilo clássico, com bons compridos e uma boa série de ferros curtos entrando recto e rematando bem as sortes, com o forte aplauso do público. Uma lide para registar e recordar.

 

Luís Rouxinol Jr veio disposto ao triunfo e tudo fez para o conseguir frente a um toiro que foi colaborador quanto baste. Dois bons curtos de frente, outro a sesgo e um violino foram as notas mais desta actuação interessante.

 

Em último lugar actuou David Gomes que teve uma actuação de menos a mais pois só na fase final conseguiu eleger os melhores terrenos para executar bem as sortes e deixar bons ferros com destaque para um bom par de bandarilhas face a um toiro manso e complicado.

 

No capítulo das pegas, os Amadores de Coruche abriram praça por intermédio de Tiago Gonçalves que consumou bem ao primeiro intento tal como João Prates e Roberto Graça numa dura cara à terceira tentativa com excelente intervenção do primeiro ajuda Fernando Ferreira. Pelos Amadores do Aposento da Chamusca foram caras João Rui Salgueiro à segunda tentativa tal como João Saraiva e a encerrar com chave de oiro e uma enorme pega de caras, dura e com o toiro a viajar forte, Francisco Montóya naquela que elegemos como a pega da tarde.

 

Direcção de corrida a cargo de João Cantinho, assessorado pelo veterinário José Manuel Lourenço.

 

Texto e foto: António Lúcio

LOTAÇÃO ESGOTADA ESTA TARDE EM PONTE DE LIMA

09.09.18 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Lotação esgotada em Ponte de LIma esta tarde. Corrida e tarde animada, com os novilhos a cumprirem e os cavaleiros a entenderem. Pegas por pessoal novo, nem sempre á primeira e uma despedida no Grupo de Coimbra.

Não perca amanhã a crónica de José Andrade.