Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

A FESTA PRECISA DA VOSSA AJUDA, DE NOVO.

29.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

De: Prótoiro Enviada: terça-feira, 28 de Abril de 2015 22:45 Para: undisclosed-recipients: Assunto: A Festa precisa da vossa ajuda, de novo.

Caros amigos,

depois do protesto contra a Rádio Comercial, na semana passada, por causa do vídeo antitaurino de Nuno Markl e Ricardo Araújo Pereira, a Rádio Comercial obrigou a que o vídeo fosse apagado e deu um valente puxão de orelhas aos dois. A vossa proactividade fez mossa e deu uma grande vitória à aficion.

Como já era esperado, os dois voltaram a fazer uma nova versão do vídeo para divulgarem de novo, dentro da campanha da Animal "Enterrar as Touradas".

Assim, vimos pedir de novo a vossa energia e acção para partilharem um ou os dois posts abaixo. Precisamos de levar a mensagem da Aficion e repor a verdade, perante as mentiras que estes dois estão a divulgar. Basta clicarem nos links abaixo e depois partilharem o post.

Podemos contar com a vossa partilha? A Festa precisa da vossa ajuda.

https://www.facebook.com/PROTOIRO/photos/a.152331808134547.29215.118555858178809/974048465962873/?type=1&theater

https://www.facebook.com/PROTOIRO/photos/a.152331808134547.29215.118555858178809/974024929298560/?type=1&theater

Muito obrigado,

PROTOIRO

HOJE, A PARTIR DAS 21H, NÃO PERCA MAIS UM «BARREIRA DE SOMBRA»

29.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

A partir das 21h estará disponível mais uma emissão, a 8ª, do Barreira de Sombra.

Os destaques irão para as crónicas de Villanueva del Fresno (Solange Pinto/Touroeouro.com) e Sobral de Monte Agraço.

Saiba quais as notícias que marcaram a semana e quais os próximos cartéis.

Não perca, ainda, a Tauromaquia Norte/Sul com José Andrade.

Tudo em:http://barreiradesombra.blogs.sapo.pt

IMPONENTES TOIROS DE ANTÓNIO SILVA A 15 DE MAIO NAS CALDAS DA RAINHA

28.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Caldas da Rainha, Dia 15 de Maio de 2015.jpg

É indiscutivelmente um dos grandes marcos da temporada o sério e imponente curro de toiros da emblemática ganadaria de Herds do Dr. António Silva que será lidado no próximo dia 15 de Maio a parir das 22:00 horas na praça de toiros da Caldas da Rainha.

A nóvel empresa Derechazo apresenta assim no seu primeiro espetáculo à frente deste emblemático tauródromo uma nova identidade, a grande matiz da sua estratégia para as Caldas da Rainha – O Toiro - onde certamente o público irá marcar presença para presenciar os seus espetáculos.

Esta corrida integrada no Dia da Cidade estará igualmente marcada pela comemoração do 20º aniversário de alternativa do cavaleiro tauromáquico caldense Marco José, que terá como companheiros de terna Luis Rouxinol e Ana Batista, a comemorar esta temporada o 15º aniversário de alternativa. As pegas desta noite aos imponentes toiros de “Silva” estarão a cargo dos amadores de Vila Franca e Caldas da Rainha, capitaneados por Ricardo Castelo e Francisco Mascarenhas, respetivamente.

Dia 15 de Maio nas Caldas da Rainha, uma Corrida para Aficionados e Público de Eleição!

JPS_0140.JPG

Caldas da Rainha, Dia 15 de Maio de 2015 - Toiro01

 

AMANHÃ NO CANAL + TOROS ÀS 12H NÃO PERCA CORRIDA COM PEDRITO DE PORTUGAL

28.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra
 
Programación de
HoraDescripciónCanal
09:00

Canal+Toros

 

  • Toros
  • Duración: 180'
12:00

Informativo Taurino: 27/04/2015. Episodio 24

Noticias y actualidad diaria del mundo de los toros.

  • Toros
  • Duración: 60'
13:00

Tarde de Toros: 15/05/1996 San Isidro. Giménez Indarte / Joselito, Finito de Córdoba, Pedrito de Portugal

Tardes para la Historia del Toreo, con actuaciones espectaculares de toreros y toros, o circunstancias que las hacen inolvidables.

A PROPÓSITO DE MARKL E PEREIRA NA COMERCIAL...

28.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Com coisas sérias não se brinca!...

Estamos habituados a ser bombardeados com atoardas de todo o tipo, vindas de todos os sectores, sobre a festa brava. As maiores barbaridades alarvidades que se produzem vêm, por norma, de indivíduos que desconhecem em absoluto toda a história, toda a envolvência, todos os valores da festa brava e que esta não se esgota na corrida de toiros propriamente dita. São perfeitos ignorantes sob a capa de doutos conhecedores.

O que se passou na Rádio Comercial e que, muito bem, a Protoiro denunciou, tendo por intervenientes Nuno Markl e Ricardo Araújo Pereira, mereceu imensos comentários nas redes sociais e provavelmente algumas dezenas de mails para os responsáveis da rádio em causa. Caem, como sempre, em saco roto. E a estes dois indivíduos deviam ser dadas umas quantas explicações e obrigá-los a retractarem-se e pedir desculpas às centenas de milhares de aficionados e aos milhões que aceitam a tauromaquia enquanto cartaz cultural e turístico do nosso País.

Se não o fizessem, então que, e à antiga, os obrigassem a escrever no quadro de ardósia milhares de vezes que não diriam mais mentiras e barbaridades sobre a festa brava.

Não se brinca com coisas sérias e estes dois indivíduos, como muitos outros, utilizam-se destes meios de comunicação com forte penetração na sociedade mais jovem, para esgrimirem pontos de vista que estão mais que ultrapassados, desmentidos, desmistificados, que são mentiras puras e claras e que objectivamente não têm qualquer razão de ser. São livres de não gostar mas não têm o direito de mentir a quem os escuta.

Desde miúdo que fui ver corridas de toiros. Já na minha adolescência comecei a interessar-me pelo campo, onde sempre vivi, e ver como eram criados os toiros e os cavalos, e os outros animais. E fiz comparações entre o tipo de criação de uns e de outros, dos que se destinam ao toureio e os que se destinam à engorda para a matança. Não são comparáveis os habitats de cada espécie. Depois, onde se cria o toiro de lide defende-se a ecologia como de nenhuma outra forma seria possível: os terrenos são pobres para a utilização intensiva da produção de cereais e outros, mas permitem a convivência e defesa de determinadas espécies que, de outra forma, seriam alvos fáceis de todo o tipo de predadores.

Markl é conhecido pelas suas baboseiras e é um dos «cromos» que criou. Muitos lhe acham graça. Para mim, que nunca fui seu fã, perdeu todo o interesse. O pró-comunista Ricardo Aráujo Pereira, um burguês bem instalado na vida também à conta de umas graçolas a quem já poucos acham alguma piada, gosta muito de «mixórdias». Está tudo dito!...

Comercial? Já foste. Não te ouço mais!!!

AÍ ESTÃO OS CARTÉIS DE SANTARÉM - 6 E 10 DE JUNHO

28.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Marcados pelo centenário do Grupo de Forcados Amadores de Santarém e pela alternativa de António de Almeida, são este os cartéis de Santarém para os dias 6 e 10 de Junho.

Com início pelas 17 horas, as combinações são as seguintes:

6 de Junho - sábado - Corrida comemorativa do Centenário do Grupo de Forcados Amadores de Santarém
Cavaleiros: João Moura, Joaquim Bastinhas, António Telles, Rui Salvador, Luís Rouxinol e Vítor Ribeiro
Forcados: Amadores de Santarém
Touros: Murteira Grave

10 de Junho - quarta-feira (feriado nacional) - Alternativa do cavaleiro António d'Almeida
Cavaleiros: Jorge d'Almeida, Sónia Matias, Marcos Bastinhas, Duarte Pinto, João Salgueiro da Costa e António d'Almeida
Forcados: Amadores de Santarém e Amadores de Alcochete (Concurso de Pegas)
Touros: Sommer d'Andrade

SOBRAL: DA TRINCHEIRA VIMOS...

26.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

cuqui, vasco lucas, jose tinoca.jpg

1. Joaquim Ribeiro "Cuqui", Dr. Vasco Lucas, José Tinoca

fale filipe.jpg

2. Carlos Falé Filipe e amigos

familia sobral.jpg

3. Drª Matilde Sobral e Joaquim Sobral

joao cortesao.jpg

4. João Cortesão

miguel alvarenga.jpg

5. Miguel e Ana Alvarenga

crielmina e jose rogério.jpg

6. Crielmina e José Rogério (meus tios)

 

 

Villanueva del Fresno - Sete orelhas, um rabo e um grande triunfo!

26.04.15 | António Lúcio / Barreira de Sombra

IMG_7957.JPG

Villanueva del Fresno ficar-nos-à guardada na memória por muitos e bons anos, sobretudo, creio não me enganar, se disser, que o dia de hoje, será uma referência importante na ascensão de Juanito a figura do toureio.

Conheço João desde muito pequenote… acompanhou seu pai na sua vida de bandarilheiro desde sempre… confesso ser difícil afastar-me do facto de o ter ‘visto’ crescer. Mas bolas, o que é isto do toureio, o que é isto se não for a emoção, o carinho, o sonho…

Os olhos encheram-se-me de água quando vi Juanito compartir o tércio de bandarilhas com o seu progenitor… O espectáculo de hoje foi rentável no que a troféus concerne, sete orelhas e um rabo, mas foi sobretudo uma grande lição de vontade, de querer, de anseios e de… sonhos, fundados!

Três novilhos de Murteira Grave e três de La Peregrina. Dos seis, não houve um verdadeiramente mau, assim que, o sonho de Juanito teve por seu lado a mão de Deus.

Indultou o quinto, da ganadaria Murteira Grave. Sui generis este perdão por não haver varas, por não se ‘esmiuçarem’ as características da rês, ainda assim, há que frisar, que o novilho de Grave, tinha excelentes condições de bravo e serviu de maravilha ao triunfo do jovem novilheiro.

Já antes, o segundo de Murteira Grave, tinha sido premiado com volta no arraste. Até aqui tudo bem, ou tudo andando… pena que o colaborante segundo da ordem, da ganadaria de La Peregrina, não tivesse tido a ‘força emotiva’ suficiente para lhe ser tributada a dita volta.

Passada esta questão e porque a tarde era de Juanito, voltemos às suas actuações.

O seu semblante inicial era expectante, apreensivo… A confiança foi surgindo à medida que a fluência do seu toureio por ali dava ‘as caras’.

A sua primeira actuação e a última, foram quiçá as mais discretas. A primeira ‘provou’ ambiente, na última, acusou o cansaço de uma exigência tremenda para com a sua ‘suave’ complexão física.

No meio esteve a virtude. Juanito exibiu variedade de sortes. No capote, fez uma ‘impactante’ porta gaiola… recebeu um novilho com duas largas afaroladas de rodillas en tierra… lanceou à veronica, chicuelinas, lopecinas, tantas mais coisas… Tem arte no capote, é vistoso e com noção daquilo que ‘vale’.

De muleta, conseguiu os melhores momentos frente ao quinto. Houve repetição e profundidade, cadencia, temple, arte. Este ‘miúdo’ tem planta toureira e tudo o que fez, com erros perdoáveis até aos ‘crescidos’, pôs aquilo que nisto do toureio importa, sentimento!

A capacidade de improviso foi também uma realidade. Houve pormenores. Tem além da mão direita, cintura e mão esquerda.

Juan, estas todo un torero!

Nesta tarde, Juan como por ali lhe chamam, teve a seu lado o seu pai. Dividiu com ele um tércio de bandarilhas. O seu primeiro par foi de grande nível, como de resto os deixados pelo seu colega da Escola de Toureio de Badajoz, Juan Leal Moreno. Bandarilharam bem, Jorge Alegrias, João Diogo Fera, João Pedro Silva, Praxedes, e mais…

Os brindes foram inúmeros, tantos quantas as faenas, ainda assim destaco um, pela emotividade, aquele que foi feito ao seu irmão, Rodrigo Silva.

Por fim, a tão aguardada porta grande e saída em ombros. Desafio superado, ganhou João Silva, ganhamos nós, e mais… Portugal ganhou um toureiro, aquele que tanto ansiava…

Crónica de Solange Pinto/www.touroeouro.com

Fotos: João Dinis/www.touroeouro.com

IMG_7829.JPG

IMG_8382.JPG

IMG_8205.JPG

IMG_9060.JPG

IMG_9646.JPG

IMG_9890.JPG

IMG_0151.JPG

IMG_7795.JPG