Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

COMUNICADO DA PRÓTOIRO SOBRE AS VOTAÇÕES DE HOJE NA ASSEMBLEIA DA REPÚBLICA

06.12.13 | António Lúcio / Barreira de Sombra

PROJECTO DO PS DE CRIAÇÃO DA PIDE ZOÓFILA NÃO ENTRA EM VIGOR

Tal como a PRÓTOIRO já havia transmitido, foi hoje a votação o Projecto-Lei do Deputado animalista Pedro Delgado Alves. Esse projecto, para além de criminalizar os maus-tratos a animais de companhia, propunha transformar as associações animalistas numa verdadeira PIDE zoófila, dando-lhes poder para denunciar, sem quaisquer custos ou responsabilidades, todas as situações, verdadeiras ou falsas, de maus tratos a animais (fossem eles de companhia ou não).

 

Para além desta proposta verdadeiramente persecutória e atentatória dos direitos e liberdades das pessoas, propunha o Deputado Pedro Delgado Alves:

 

1.    Atribuir às associações animalistas o estatuto de utilidade pública;

2.    Atribuir às associações animalistas o direito de aceder a toda e qualquer informação relacionada com animais junto de organismos oficiais;

3.    Atribuir às associações animalistas o direito de participar na definição da política legislativa em qualquer matéria que envolva animais;

4.    Reconhecer às associações animalistas a qualidade de parceiro social junto dos poderes políticos para questões sobre animais;

5.    Isentar as associações animalistas do pagamento de impostos – inclusivamente de IRC e IVA quando vendam merchandising;

6.    Atribuir às associações animalistas o direito de antena na rádio e na televisão;

7.    Atribuir às associações animalistas o direito de receberem apoio técnico e financeiro do Estado;

8.    Atribuir aos dirigentes das associações animalistas um horário de trabalho flexível;

9.    Permitir que os dirigentes das associações animalistas faltem ao trabalho 10 dias por ano sem que essas faltas sejam consideradas injustificadas e sem que impliquem qualquer perda de retribuição.

 

Como bem se vê, o que este Projecto-Lei realmente pretendia era atribuir privilégios e prerrogativas a certas pessoas, sendo a protecção dos animais um mero pretexto para o efeito.

 

Felizmente imperou o bom senso e ficou clara, durante o debate parlamentar, a necessidade de proceder a alterações neste Projecto do PS.

Neste sentido o PSD apresentou outro projecto, que visa proteger os animais de companhia mas que não atribui qualquer privilégio às associações animalistas sendo, por isso, um projecto perfeitamente razoável.

 

Ambos os projectos-lei irão descer para serem alterados em Comissão, onde a PRÓTOIRO, juntamente com a Plataforma Sociedade e Animais e os restantes partidos políticos, vai trabalhar para que seja aprovada uma lei cujo único e verdadeiro propósito seja proteger os animais de companhia, mas salvaguardando a igualdade e os direitos das pessoas.

NUNO CASQUINHA CONQUISTA PREMIO " MELHOR FAENA " TEMPORADA TAURINA CANTA 2013

06.12.13 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 “O matador de toiros Nuno Casquinha foi designado o autor da melhor faena na provincia de Canta da temporada 2013. Premio instituido pela Peña Taurina Canteña.

Estuvieram em competicao com a faena do diestro portugues, as realizadas por: Juan Carlos Cubas em Canta, David Esteve em Canta e Fernando Roca Rey em Pariamarca. Tendo finalmente sido escolhida a faena de Casquinha em Carhua, na tarde de 5 de Outubro, a um toiro da Ganaderia Camponuevo.

Como melhor toiro foi galardoada a Ganaderia San Pedro, pelo lidado na corrida de 15 de Outubro em Canta por Juan Carlos Cubas.

Como melhor corrida conquistaram o trofeu ex-aequo as comissoes de Carhua e Canta.

Nuno Casquinha encerrará a sua temporada 2013 com mais 3 contratos no mes de Dezembro:

Dia 12 em Macusani (Puno)

Dia 16 em Macarí (Puno)

Dia 29 em Santa Cruz (Cajamarca)”


Imprensa Nuno Casquinha – texto e fotos