Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

Circulo Taurino do Alentejo promove Homenagem a José Varela Crujo

14.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 

O Circulo Taurino do Alentejo  convida todos os aficionados e todos os bejenses a marcar presença no próximo dia 23 de Dezembro numa Homenagem ao malogrado cavaleiro bejense José Francisco Varela Crujo, de forma a assinalar os 25 anos da sua morte que se cumpre no dia 25 de Dezembro.

 

Assim, pelas 11 horas da manhã, está marcada uma romagem ao seu mausoléu, no cemitério de Beja e pelas 12 horas terá lugar na Igreja do Carmo, uma missa em sua memória e de seu pai, que faleceu faz amanhã, dia 14 de Dezembro, 4 anos.

Recorde-se que José Francisco Varela Crujo, nasceu a 23 de Outubro de 1956, e  tomou alternativa na Praça de Toiros do Campo Pequeno em 10 de Abril de 1977 (Domingo de Páscoa), apadrinhado por Mestre David Ribeiro Telles.


A 11 de Agosto de e 1983 foi vitima  de uma grave colhida na arena do Campo Pequeno, quando lidava um toiro da ganadaria de Pontes Dias. Após um longo período em estado de coma, provocado por graves lesões cerebrais viria a falecer a 25 de Dezembro de 1987.

UMA PÁGINA EM BRANCO...

11.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 

É assim que, a vinte dias de terminarmos o ano  de 2012, perspectivo a temporada de 2013. E prefiro que seja uma página em branco a embandeirar em arco e pensar que vai ser uma grande temporada, com grandes feitos, que uma negra nuvem como a que assola todo o País ainda que o Instituto de Meteorologia preveja sol e boas temperaturas para todo o País. Pois é!... mas não falamos de condições climatéricas e meteorológicas.

 

Em 2013 algus artistas, de entre os mais novos, mostraram as suas credenciais. E não foram apenas os caaleiros, ao contrário do que para aí se disse. Houve bom toureio a pé e pena foi que não tivessem existido mais corridas mistas pois poderíamos ter assistido a momentos de verdadeira emoção e sentimento. Mas, atenção, há que colocar os toureiros com ganadarias que, pelo seu historial, tenham possibilidades de investir. E que colocar matadores e novilheiros portugueses que já mostraram, Madrid e Las Ventas inclídos, que têm valor para levar gente às praças.

 

Sempre que se perspectiva uma temporada, de igual forma que abrimos uma página do nosso caderno de apontamentos, não existe senão um espaço em branco ou, quando muito, com umas linhas desenhadas mas sem conteúdo.

 

E conteúdo é o que falta em muitas das actuações de artistas e, gostem ou não, em muito do que se escreve sobre toiros e toiradas neste Portugal á beira mar plantado, com mais de 8 séculos de história ecom um património tão delapidado pelos nossos (des)governantes. Um mal endémico que não se consegue erradicar. A menos que haja um elevado e apertado grau de exigência.

 

Dois mil e treze será, para muitos, um ano de êxitos. Para outros, para a grande maioria, o cair na realidade, o despertar para a vida, dura e difícil. Para outros ainda, um ano mais em que se porão em bicos de pé para que pensem que são grandes. Para muitos outros, cada dia que virá será sempre uma págia em branco, um mundo para descobrir e desfrutar.

FESTIVAL DE HOMENAGEM E SOLIDARIEDADE PARA COM NUNO CARVALHO

08.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

A empresa do Campo Pequeno e a Casa de Pessoal da RTP promovem dia 17 de Fevereiro de 2013, um festival de homenagem e solidariedade para com o forcado Nuno Carvalho.

 

O cenário para este festival será a Praça de Toiros do Campo Pequeno onde, a 30 de Agosto de 2012, Nuno Carvalho, forcado do Grupo do Aposento da Moita, também conhecido por Nuno “Mata”, foi gravemente colhido.

 

A decisão agora anunciada foi devidamente pensada pelas duas entidades promotoras, em consonância com o homenageado, que deu a sua total concordância.

 

Pretendem a empresa do Campo Pequeno e a Casa de Pessoal da RTP que esta jornada constitua, para além de uma justa homenagem, um grande acto de motivação pessoal e de solidariedade, do grande público e dos aficionados, para com este jovem e valoroso forcado.

 

Foto: Emilio

MARCELO MENDES REUNIU EQUIPA EM JANTAR DE FIM DE TEMPORADA

08.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

O cavaleiro Marcelo Mendes reuniu no passado sábado a sua equipa para o jantar de fim da temporada de 2012 – na qual segundo o mesmo foi a melhor temporada da sua ainda curta carreira.

 

Ao longo do ano de 2012, o cavaleiro da zona do oeste viu o seu nome anunciado em 24 espetáculos em Portugal e França, tendo iniciado a sua temporada no tradicional Festival de Abertura de Temporada em Mourão e finalizado com chave de ouro no dia 1 de Novembro no Cartaxo perante toiros de Assunção Coimbra, uma temporada em crescendo e no qual logrou pisar algumas das mais importantes praças do país.

 

Foto: DR

GANADARIAS TRIUNFADORAS DE 2012 ESTÃO CERTAS PARA 2013 NO CAMPO PEQUENO

06.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 

As ganadarias triunfadoras no Campo Pequeno, em 2012, Luis Rocha (Melhor Toiro) e António Silva (Melhor Corrida), foram as primeiras a ser contratadas para a temporada de 2013, em Lisboa, anunciou hoje a empresa.

 

Segundo o Gerente Taurino do Campo Pequeno, Rui Bento, “a empresa mantém-se fiel ao seu princípio de repetir os triunfadores, neste caso confirmando já a presença das duas divisas distinguidas em2012”.

 

“É intenção da empresa que todos os galardoados de 2012 actuem no Campo Pequeno em 2013, pelo que estamos a contactá-los, de modo a assegurar a sua presença na temporada de Lisboa”, afirmou Rui Bento.

 

A empresa prossegue também as visitas a várias ganadarias portuguesas, no sentido de garantir, desde já, os curros de toiros que necessita para as diferentes praças que administra, para além do Campo Pequeno.

O TOIRO DO TRIUNFO - COLÓQUIO NO MONTIJO, AMANHÃ DIA 7

06.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

O toiro é o elemento central da tauromaquia.

 

A sua qualidade determina, o sucesso de uma corrida. Em busca desse toiro, capaz de proporcionar êxitos aos toureiros, andam todos os ganadeiros.

 

No próximo dia 7 de Dezembro pelas 21.30h, este será o tema do último colóquio deste ciclo, promovido pela Associação G. Forcados Amadores de Montijo e pelo Musical Clube Alfredo Keil. A moderação estará a cargo de José Cáceres e o naipe de oradores, formado por distintos ganadeiros, promete mais uma noite em grande: José Samuel Lupi, Joaquim Alves, João Santos Andrade, João Telles e Pedro Canas Vigouroux.

 

As grandes questões sobre este animal mítico e sobre a tauromaquia, serão debatidas e postas à discussão: os controversos Murubes, as noções de bravura e toureabilidade, o possível antagonismo entre o toiro ao gosto do toureiro e o toiro que agrada ao público, as ganadarias do momento … e muitas outras questões, decerto proporcionarão serão animado e profícuo.

 

Estão todos convidados a assistir e participar, na próxima sexta-feira na sede do Musical Clube Alfredo Keil (centro do Montijo).

 

A Associação G. Forcados Amadores de Montijo

Musical Clube Alfredo Keil

MOSTRA DE LIVROS TAURINOS EM ARRUDA DOS VINHOS

04.12.12 | António Lúcio / Barreira de Sombra

 

Em simultâneo com a Feira do Livro de Arruda dos Vinhos – a decorrer entre os dias 4 e 22 de Dezembro no Centro Cultural do Morgado – estará patente no mesmo espaço, no dia 14, uma Mostra de Livros Taurinos.

A iniciativa contempla obras que foram editadas em Portugal nos últimos 25 anos.

Tendo a Autarquia de Arruda dos Vinhos declarado este ano a Tauromaquia como Património Cultural Imaterial, a jornada pretende valorizar e divulgar o tesouro literário existente no nosso país. Nesse sentido, no dia 14 de Dezembro, às 21.00 H., haverá um Colóquio intitulado “CULTURA(S),TAUROMAQUIA(S), E PATRIMÓNIO(S) - MODERNOS POR TRADIÇÃO” a cargo do Dr. Vítor Escudero.

No mesmo dia terá lugar uma visita à Exposição de Aguarelas de Jorge Alexandre, onde o tema tauromáquico também estará presente.

Para além da Mostra de Livros Taurinos, os aficionados poderão adquirir (ao longo no mês de Dezembro) as seguintes obras:

-António Ribeiro Telles, 25 anos de Alternativa

-Rui Salvador, O Cavaleiro dos Ferros Impossíveis

-Luís Rouxinol, 25 anos de Alternativa

-Amadores de Vila Franca de Xira, 80 anos de História

-40 Anos do Grupo de Forcados Amadores de Alcochete

-Grupo de Forcados Amadores de Moura

-O Forcado

-Armando Soares, Oiro, Tabaco… e Medo

-Lo mejor de Vitor Mendes

-Quites, Detalhes e Puyazos / P'ra que a Terra não esqueça

-Livro de Fotografia de Pedro Cardoso

-SOLILÓQUIO:

A Festa Continua

Aquela Tarde de Agosto

A Última Tarde

Os Clarins da Esperança

Coisas e Loisas das Arenas

Às Cinco da Tarde

Meio Século Depois

 

Foto: Catarina Bexiga