Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

BARREIRA DE SOMBRA

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

TOUREIO A PÉ REGRESSA A CORUCHE NAS FESTAS EM HONRA DE NOSSA SENHORA DO CASTELO

13.07.10 | António Lúcio / Barreira de Sombra

A Sociedade Campo Pequeno, SA e a empresa Toirolindo, Lda. promoverão duas corridas de toiros em Coruche, nos dias 14 e 17 de Agosto, integradas nas festas em honra de Nossa Senhora do Castelo.

 

A corrida de dia 14 será mista e marcará o regresso do toureio a pé a Coruche, berço de importantes Matadores de Toiros que dignificaram Portugal além-fronteiras.

 

Na data tradicional de 17 de Agosto, realizar-se-á uma corrida de toiros à portuguesa.

 

As duas corridas terão início às 18 horas.

“ARTE DE MARIALVA” E “REJONEO”. DUAS ARTES EM FUSÃO?

13.07.10 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Nunca como hoje em dia se discutiram tanto as semelhanças e as diferenças entre o toureio a cavalo, praticado pelos cavaleiros portugueses e o rojoneio, praticado pelos cavaleiros espanhóis.

 

O toureio a cavalo é tão antigo quanto as nacionalidades ibéricas dominantes. O toureio a cavalo dito à portuguesa têm a sua matriz na “Arte de Marialva”, como ficou conhecida a herança equestre e tauromáquica do 4º Marquês de Marialva, D. Pedro de Alcântara Menezes (1713-1799), Estribeiro-Mor do Rei D. José I (1714-1777). Os cavaleiros portugueses trouxeram do picadeiro para as arenas uma equitação com fortes bases académicas que adaptaram ao combate com o toiro, nunca tendo perdido, ao longo de dois séculos, o seu aspecto senhorial que vai desde a sua atitude em praça, ao modo de vestir (estilo Luis XV) e aos próprios arreios das montadas (século XVIII).

 

Em Espanha, com a proibição de a nobreza tourear a cavalo, decretada por Filipe V, em 1670, a prática do toureio equestre passa quase ao esquecimento, só retomando presença de crédito nas arenas com o rojoenador D. Antonio Cañero (1885-1952). Cañero trouxe para a praça o movimento, a cor e o improviso das fainas de campo no maneio do gado bravo, nas quais a intuição se sobrepõe às regras convencionais da equitação. A partir dos anos sessenta do século XX, com o surgimento de rojoneadores como Álvaro Domecq (filho), Manuel Vidrié, Leonardo Hernánez (pai) e mais modernamente Pablo Hermoso de Mendoza, a “Arte de Marialva” e o “Rejoneo” iniciam um processo de aproximação, contestado por uns e considerado irreversível por outros.

 

Na corrida desta noite, A Grande Corrida CORREIO da MANHÃ, estarão em praça as máximas figuras da “Arte de Marialva”, o cavaleiro António Ribeiro Telles e Pablo Hermoso de Mendoza, expoente máximo da fusão artística entre a “Arte de Marialva” e o “Rejoneo”, juntamente com João Ribeiro Telles júnior um dos mais firmes valores da nova geração de cavaleiros tauromáquicos.

 

Pegam os carismáticos grupos de forcados Amadores de Santarém e de Lisboa e serão lidados seis poderosos toiros da ganadaria Passanha.

 

PACO VELÁSQUEZ PREPARA-SE PARA O SEU COMPROMISSO DIA 16 NA MOITA NA GANADARIA DE “GUARDIOLA”

13.07.10 | António Lúcio / Barreira de Sombra

O jovem novilheiro português Paco Velásquez participou no dia 8 num tentadero na ganadaria de “Guardiola”, a mesma com que Paco debutou no passado dia 1 na Real Maestranza de Sevilha. Paco lidou  bezerras de excelente comportamento. Velásquez continuara esta semana em diversos tentaderos com vista a preparar-se para o seu próximo compromisso dia 16 na Moita.

Foto de Arjona

III GRANDE CORRIDA TOUREIO.COM

13.07.10 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Será já no próximo Domingo, que a Praça de Touros de Moura receberá a III Grande Corrida do site www.toureio.com, uma corrida das corridas mais importantes do calendário taurino português.

Para esta importante corrida, a empresa Gestoiro de Paulo e Rodrigo Tendeiro, preparou um cartel de luxo onde a competição irá certamente imperar na arena e em que a imponencia dos touros será uma certeza.

Assim, pelas 22h:30m irão estar em praça os cavaleiros Rui Fernandes, Manuel Lupi e ainda Tiago Carreiras.

As pegas estarão a cargo dos Forcados Amadores de São Manços e Moura, capitaneados respectivamente por Joaquim Branco e Pedro Acabado.

Nesta noite serão lidados seis imponentes touros da prestigiada ganadaria de Branco Núncio.

Uma corrida que está a criar grande expectativa na aficion portuguesa, sendo já muitos aqueles que já reservaram o seu bilhete para não perder tal acontecimento, você também o pode fazer através do número 965590303.

NOTICIAS DA ESCOLA DE TOUREIO JOSÉ FALCÃO

13.07.10 | António Lúcio / Barreira de Sombra

Os alunos da Escola actuaram no passado sábado, dia 10,no Cabo da Lezíria, no 20º aniversário da Tertúlia Zás e Vira, lidando um novilho de Nuno Casquinha. O aluno Tiago Santos apresenta-se na bezerrada do 60º aniversário da praça de toiros da Moita do Ribatejo na próxima sexta-feira dia 16 e na Feira de Julho de Valencia, Espanha, no próximo dia 19 frente a novilhos de Nazario Ibañez.