Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA 30 ANOS (1987/2017)

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

SOBRAL - FORCADOS DERAM NOTA MAIS EM TARDE DE TOIROS MANSOS E DIFÍCEIS

Uma vez mais foram os forcados a darem a nota mais numa tarde em que os toiros foram mansos e difíceis e colocaram muitos problemas aos cavaleiros que os tiveram por diante. Um curro díspar de tipo e de presença, com um comportamento similar, o da mansidão, da ganadaria de Manuel Coimbra, não permitiu o sonhado triunfo dos artistas nem que o público pudesse disfrutar dessa emoção das grandes lides.

 

Os moços de forcado dos Amadores de Coruche e de Caldas da Rainha foram os verdadeiros triunfadores desta segunda e última corrida integrada nas Festas e Feira de Verão de Sobral de Monte Agraço, realizando rijas pegas de caras, com grande espírito de entreajuda. Pelos Amadores de Coruche foram à cara dos toiros os forcados Luis Carlos Gonçalves (à 1ª), José Tomás numa dura e vistosa cara ao primeiro intento com o toiro a fugir ao grupo e a escoicear ao mesmo tempo em que fugia, e José Bruno Peseiro numa rija cara também ao primeiro intento. Pelo agrupamento de Caldas da Rainha foram solistas Óscar Carvalho, muito bem á 1ª, secundado por Mário Cardeira noutra rija intervenção á 1ª e com António Cunha a encerrar praça com outra boa pega de caras á 1ª.

 

Os cavaleiros, como referido anteriormente, sentiram imensas dificuldades ante o sentido que os toiros cedo desenvolveram e a forma como se defenderam. Rui Salvador teve duas lides em que teve de se empregar para deixar a ferragem, sofrendo alguns toques e deixando dois curtos de melhor nota. Ana Batista teve uma primeira lide razoável tentando o triunfo mas no seu segundo as coisas não lhe correram de feição e teve uma actuação marcada por alguns falhanços. Marcos Tenório teve o pior lote e tentou superar essa adversidade mas sem grande sucesso. Aqueceu o ambiente nas bancadas com o violino e o par de bandarilhas a encerrar a sua prestação.

 

Direcção correcta de António Barrocal assessorado pelo veterinário Matias Guilherme, perante cerca de meia casa.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me