Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

BARREIRA DE SOMBRA 30 ANOS (1987/2017)

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

Desde 13.06.1987 ao serviço da Festa Brava

JOAQUIM RIBEIRO “CUQUI” CONQUISTA V GALARDÃO FUNDAÇÃO JOÃO ALBERTO FARIA

A conjunção de esforços entre a Fundação João Alberto Faria, a Sociedade Moitense de Tauromaquia (60º aniversário de inauguração da praça) e a empresa Toiros e Tauromaquia, não obteve resposta do público em ambos os espectáculos de promoção dos jovens toureiros ainda que com entrada livre... Se atentarmos na necessidade que estes jovens têm de tourear para se darem a conhecer e manter viva a chama da afición ao toureio a pé e os altos custos destes espectáculos, teremos de louvar todos aqueles que os tornam possíveis e se esforçam por os manter.

 

Na noite de sexta-feira, seis jovens, portugueses e espanhóis, lidaram seis erales de José Lupi que serviram em termos gerais e que uns aproveitaram melhor que outros. De Madrid veio Alberto Escobar que mostrou boas maneiras e se houve a contento com uma razoável faena de muleta; Paco Velásquez, da Escola de Sevilha, não conseguiu dar o tal passo em frente que faz a diferença, cumprindo pelos mínimos; de Vila Franca veio Tiago santos que mostrou garra e valor e desenhou alguns bons mueltazos; Joaquim Ribeiro “Cuqui” esteve em bom plano de capote e de muleta, enquanto que o malaguenho Curro Marquez mostrou estar ainda muito verde, sacando aqui e ali algum muletazo bom. E da Fundação El Juli veio Mário Palácios que se mostrou voluntarioso mas apenas e só isso.

 

O júri escolheu Alberto Escobar, Joaquim Ribeiro “Cuqui” e Mário Palácios para a final que se disputou na quente manhã de sábado, com erales de José Lupi (4º e 6º), José Luis Cochicho (5º), Murteira Grave (1º e 3º) e Vinhas (2º). Os três novilheiros rivalizaram em quites – toureou-se bem de capote toda a manhã – e entregaram-se com garra e afinco nas faenas de muleta que realizaram. Gostei de alguns momentos de cada um deles. Alberto Escobar mostrou-se centrado e conseguiu alguns bons muletazos; Mário Palácios foi o mais fraco dos três, apesar das suas boas maneiras; e Joaquim Ribeiro “Cuqui” foi o mais destacado, com belos momentos de capote, boas séries de muletazos por ambos os pitons e, por isso, merecedor dos três prémios em disputa: Galardão Fundação João Alberto Faria, Sociedade Moitense de Tauromaquia e Capote de Oiro do Conselho Municipal Taurino da Moita.

 

Praça de Toiros Da Moita do Ribatejo – 16.07.10 (22h)

Bolsin Taurino -  Eliminatória

Novilheiros: Alberto Escobar, Paco Velásquez, Tiago Santos, Joaquim Ribeiro “Cuqui”, Curro Marquez, Mário Palácios

Erales de José Lupi

 

Praça de Toiros Da Moita do Ribatejo – 17.07.10 (12h)

Bolsin Taurino -  Final

Novilheiros: Alberto Escobar, Joaquim Ribeiro “Cuqui”, Mário Palácios

Erales de José Lupi (4º e 6º), José Luis Cochicho (5º), Murteira Grave (1º e 3º) e Vinhas (2º)

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me